Cinco dos dez novos leitos de UTI anunciados pela prefeitura já estão funcionando

Médico fez denúncia em suas redes sociais (Foto: Reprodução/Instagram)

Metade dos dez leitos de UTI para pacientes com Covid-19 anunciados pela Prefeitura de Campos já está em operação, conforme destacou o médico intensivista Luiz Renato Maia Maciel, que atua na sala vermelha da Beneficência Portuguesa, onde está instalado o Centro de Combate ao Coronavírus de Campos (CCCC). Ele publicou um vídeo em suas redes sociais comunicando a melhoria, assim como fez no dia 18 de janeiro, quando denunciou que nenhuma das 10 vagas anunciadas pelo prefeito Wladimir Garotinho estava apta a receber pacientes graves infectados pelo novo coronavírus.

“Hoje nós temos cinco dos dez leitos atendendo a população. Aproveito a oportunidade para parabenizar e agradecer ao prefeito Wladimir Garotinho por atender a nossa sugestão, a nossa crítica, uma crítica construtiva”, ressaltou.

No vídeo publicado em 18 de janeiro, Luiz Renato criticou a  falta de profissionais de saúde para atuar nos novos leitos.

Cinco leitos já estão em operação

“Estou no final de um mais plantão diário e, há dois dias, o prefeito divulgou nas suas redes sociais que ele montou 10 leitos de UTI. Hoje (dia 18), precisei de duas vagas de UTI, dois pacientes graves entubados, e cadê as vagas de UTI? O prefeito esqueceu de dizer que esse leitos não estão funcionando e não foi ainda divulgado nem previsão de quando vão funcionar. Prefeito, você que começou trabalhando bem, está fazendo aí nesses 17 dias de governo um bom trabalho, parece que está com disposição e tudo mais, não cometa os mesmos erros que seus antecessores”, desabafou o médico em um vídeo postado em suas redes sociais na segunda-feira (18).

Convênio

Os leitos foram obtidos por meio de um convênio com a Prefeitura de Duque de Caxias.  O acordo entre os dois municípios, que tem caráter de urgência, permitiu a cessão de 10 camas, 10 monitores, 10 respiradores, 10 suportes de soro e 20 bombas de infusão.

Fonte: Terceira Via

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui