Em fim de mandato, governo Rafael Diniz prorroga prazo da Vital Engenharia por mais cinco anos

(Foto: Vital Engenharia Ambiental/Divulgação)

Faltando menos de um mês para encerrar o mandato, o governo Rafael Diniz (CDN) prorrogou por cinco anos o contrato com a Vital Engenharia Ambiental, que é responsável pela limpeza pública no Município. A medida é parte de um aditivo publicado no Diário Oficial desta quarta-feira (2), que reduz, ainda, em quase R$ 2 milhões o valor pago mensalmente à empresa e perdoa “dívida pretérita”. O ato, porém, não deixa claro que se haverá redução do serviço e nem que dívida é essa.

O aditivo, de número 14, impõe supressão contratual de 32,446%, reduzindo o valor pago mensalmente à Vital pela Prefeitura de R$ 6.142.831,17 (seis milhões, cento e quarenta e dois mil, oitocentos e trinta e um reais e dezessete centavos) para R$ 4.149.700,93 (quatro milhões, cento e quarenta e nove mil, setecentos reais e noventa e três centavos).

De acordo com o ato, o prazo de execução do contrato passa a ser acrescido de cinco anos, o que fará com que termine após o fim dos mandatos não só do atual prefeito e como do próximo.

O Jornal Terceira Via questionou à Prefeitura sobre a possibilidade de redução do serviço, a natureza desta “dívida pretérita” e o motivo da extensão do contrato no final do mandato do prefeito Rafael Diniz e publicará as respostas assim que recebê-las, o que ainda não havia acontecido até a última atualização desta reportagem.

Veja abaixo a íntegra do aditivo:

Fonte: Terceira Via

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui