Marinha e Bombeiros montam operação para transferir criança de São José de Ubá com covid para o RJ

Uma operação envolvendo os bombeiros do Estado do Rio e a Marinha foi montada na tarde deste domingo para salvar a vida do menino Matheus Moreira da Silva, de oito anos, que estava internado com Covid-19 na UPA de Itaperuna. O menino, que é de São José de Ubá, precisava ser internado com urgência no Hospital Jesus ( que possui UTI infantil), em Vila Isabel, no Rio, mas o mau tempo impediu o socorro com helicóptero do Corpo de Bombeiros do Rio, que tem seis aeronaves e também opera uma da Secretaria de Saúde.

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros e Secretário de Defesa Civil, coronel Leandro Monteiro, pediu ajuda à Base Aeronaval de São Pedro da Aldeia, da Marinha, que cedeu um helicóptero especial, que voa com auxílio de instrumentos, para fazer a operação.

“O Estado do Rio comprou na Itália um helicóptero Augusta, que voa por instrumentos, mas a pandemia atrasou a entrega. Seria o ideal para fazer o resgate”, explicou o coronel Monteiro.

Segundo a médica Simone Simões, Diretora de Saúde do Corpo de Bombeiros do Rio, a criança estava internada desde o início do mês, mas seu estado se agravou e os médicos pediram a remoção para um hospital com mais recursos. Uma UTI Móvel dos Bombeiros transportou a criança até o aeroporto de Campos dos Goytacazes, de onde decolou o helicóptero da Marinha, que chegou minutos depois ao Aeroporto Santos Dumont. Através das redes sociais, o govenador em exercício Cláudio Castro, comemorou o sucesso da operação.

“Nossa gratidão ao excelente trabalho de cooperação envolvendo o Corpo de Bombeiros Militar do Rio de Janeiro e a Marinha do Brasil para realizar o translado com segurança, prejudicado devido ao mau tempo.  Agradeço o apoio do nosso secretário de Saúde, Carlos Alberto Chaves e do comandante-geral do Corpo de Bombeiros e de Defesa Civil, coronel Leandro Monteiro”.

Fonte: Natividade FM