Record TV transmite Campeonato Carioca a partir desta terça (2)

O Campeonato Carioca está de casa nova. Após 23 anos, a Record TV volta a transmitir o Estadual mais charmoso do país. O acordo por duas temporadas foi oficializado na sede da emissora em Vargem Grande, na zona oeste do Rio, nesta quarta-feira (24).

Mylena Ciribelli apresentou evento
Mylena Ciribelli apresentou evento Paulo Mauzer/ RecordTV Rio/ 24.02.2021

A bola vai rolar na tela da Record TV, a partir de terça-feira (2), com o jogo Flamengo x Nova Iguaçu, às 21h30, no Maracanã.

Além do Rio de Janeiro, os jogos poderão ser acompanhado por outras cidades, como Brasília (DF), Salvador (BA), Manaus (AM) e mais 12 praças.

Além dos representantes dos 12 principais clubes do Rio, o presidente da Ferj (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro), Rubens Lopes, e o presidente da Record TV Rio, Fabiano Freitas, participaram do evento.

O presidente da Record TV Rio destacou o empenho de toda equipe para realizar a melhor transmissão de todos os tempos.

“Estamos muito felizes com esta nova parceria que vem reforçar o crescimento linear da Record TV nos últimos anos. O futebol é parte da história dos cariocas – e de todo o brasileiro. A transmissão dos jogos do Campeonato Carioca irá nos aproximar ainda mais dos nossos telespectadores e mostrar a força do nosso jornalismo, sempre comprometido com a verdade”, afirmou Fabiano Freitas.

Freitas também anunciou o time da Record TV Rio que vai participar da cobertura das 11 rodadas do Campeonato Carioca, além das fases finais.

Time de repórteres: Aline Pacheco, Fábio Peixoto e Bruna Dealtry
Time de repórteres: Aline Pacheco, Fábio Peixoto e Bruna DealtryPaulo Mauzer/ RecordTV Rio/ 24.02.2021

Dentro de campo serão escalados os repórteres Aline Pacheco, Bruna Dealtry e Fábio Peixoto. A narração será de Lucas Pereira, com comentários do ex-árbitro Gutemberg Fonseca e o ex-jogador Ricardo Rocha. Já Mylena Ciribelli comandará a hora do intervalo.

“É o campeonato mais charmoso do Brasil, o mais visto também. Então, acredito que vai ter uma visibilidade muito boa, muito grande e isso vai fazer com que o esporte cresça ainda mais dentro da emissora”, disse Mylena.

Novo formato

O Campeonato Carioca 2021 também terá um novo formato de disputa. Nesta edição, os clubes se enfrentam em turno único de pontos corridos. Os quatro melhores colocados disputam semifinais e finais, em jogos de ida e volta, para definir o campeão carioca.

O título da Taça Guanabara fica com o primeiro colocado na tabela na primeira fase. Já os times que ficarem entre a 5ª e a 8 ª colocação disputam a Taça Rio, que terá uma premiação a ser definida.

Para o presidente da Ferj, Rubens Lopes, o novo modelo será mais competitivo.

“É um formato de pontos corridos na primeira fase. São só 11 rodadas. O curto espaço da competição faz com que os clubes tenham que largar com força total, porque não dá tempo de se recuperar, diferentemente do Campeonato Brasileiro, por exemplo, que tem oito meses”, explicou.

Expectativa dos clubes

Atual campeão carioca e recordista de títulos, com 36 taças, o Flamengo, que também pode conquistar o Brasileirão nesta quinta (25), vai brigar para manter a hegemonia no Estadual.

“A expectativa é de a gente entrar, disputar e ganhar como sempre, agora passando numa casa nova”, afirmou Rodolfo Ladim, presidente do Flamengo.

Já o Fluminense, vice-líder no ranking de campeões cariocas, promete força máxima no Carioca 2021 em busca de retomar o protagonismo no campeonato.

“O Fluminense já foi o maior vencedor do Campeonato Carioca, hoje está em segundo. Isso faz com que a gente vá disputar o campeonato com todo empenho para ser campeão”, afirmou o presidente do Fluminense, Mário Bittencourt.

Para o Botafogo, rebaixado para a Série B no Brasileirão, o Estadual será um momento de reestruturação do elenco e, principalmente, para o novo treinador Marcelo Chamusca iniciar o trabalho à frente da equipe.

“Vamos entrar para brigar por todos os campeonatos, começando pelo Estadual”, disse Antônio Carlos Mantuno, dirigente do Botafogo, à Record TV Rio.

E o Vasco, que também está praticamente na Série B do Brasileiro no próximo ano, também quer virar a página no Carioca e contar com o apoio da torcida no Brasil todo.

“O Vasco é um clube nacional. Então, a gente ter a oportunidade de, realmente, estar em todos os cantos, de Norte ao Sul do país, podendo mostrar nosso time para o nosso torcedor nessa pandemia, é muito interessante . O Vasco vai fazer de tudo para ganhar esse campeonato”, disse o CEO Luiz Mello.

Além dos quatro grandes do Rio, estarão presentes na competição Bangu, Boavista, Macaé, Madureira, Portuguesa, Resende, Volta Redonda e Nova Iguaçu.